logotipo
PRODUTOS E SERVIÇOS


Atenção à Diabetes 

Os alimentos e as bebidas com adoçantes de baixas calorias constituem uma grande ajuda para as pessoas com diabetes.

Reduzem o consumo total de hidratos de carbono e permitem que as pessoas diabéticas possam desfrutar de uma dieta variada com uma quantidade de produtos com um sabor doce.

Os adoçantes melhoram a qualidade de vida das pessoas com diabetes.

A diabetes é um termo usado para descrever os distúrbios metabólicos que produzem um aumento do nível de açúcar no sangue. A diabetes surge quando o pâncreas produz pouca ou nenhuma insulina (hormona que mantém o açúcar do sangue num nível mais ou menos constante). O nível de açúcar no sangue geralmente aumenta depois de se comer, quando os hidratos de carbono são digeridos e decompostos em elementos mais pequenos (como a glicose), passando para a corrente sanguínea.

Em pessoas saudáveis, quando o nível de açúcar aumenta no sangue é segregada a insulina, permitindo que as células do organismo absorvam o açúcar do sangue. Este mecanismo não funciona correctamente em pessoas com diabetes, podendo o nível de açúcar no sangue variar consideravelmente, dependendo dos alimentos que ingerem, pelo que devem controlar a sua dieta (e por vezes injectar insulina).

Tal como a população em geral, as pessoas com diabetes devem ter uma dieta rica em fibras e hidratos de carbono complexos. Demasiada gordura aumenta o risco de obesidade e proteínas em excesso podem danificar os rins, que por seu lado já estão sujeitos a um esforço maior do que os das outras pessoas. Os hidratos de carbono complexos encontram-se nos vegetais e cereais.

A importância dos adoçantes de baixas calorias na dieta de pessoas diabéticas é indiscutível. No entanto, essas pessoas podem consumir quantidades moderadas de açúcar. Se o açúcar contido nos alimentos permanece mais tempo no estômago e nos intestinos (como, por exemplo, chocolate) as pessoas com diabetes também podem desfrutar de alguns desses produtos.

Os adoçantes de baixas calorias proporcionam às pessoas com diabetes o prazer de beber algo doce, sem efeitos secundários adversos. Por um lado, os adoçantes não afectam o nível de insulina e açúcar no sangue, e, além disso, não contribuem com calorias. Bebidas, cereais e produtos elaborados à base de fruta que contenham adoçantes são ideais para pessoas com diabetes. Além disso, os alimentos de baixas calorias ajudam este grupo de pessoas na importante tarefa de controlar o seu peso.

 

Controlo de Peso

Entre os vários produtos com adoçantes de baixas calorias pode encontrar refrigerantes, produtos lácteos, pastilhas elásticas, bebidas de chocolate quente, sobremesas congeladas, adoçantes de mesa e muito mais.

Na escolha de produtos dietéticos, ligeiros e baixos em calorias podem fazer uma diferença notável no nosso consumo de calorias e, portanto, no nosso peso. Uma análise de todos os estudos nutricionais levados a cabo demonstrou que num ano podemos reduzir o nosso peso em cinco quilos se simplesmente optarmos por uma alimentação diária de baixas calorias.

O excesso de peso e a obesidade constituem um problema crescente na sociedade actual. Hoje em dia, mais de 50% da população de muitos países está com excesso de peso. As consequências desta situação na saúde são enormes. Segundo a Organização Mundial de Saúde, os responsáveis pelo desenvolvimento de políticas na Europa e nas autoridades de saúde nacionais estão a adoptar um amplo conjunto de medidas e a incentivar a indústria de alimentos para contribuir na luta contra o excesso de peso e obesidade.

Para evitar o excesso de peso e a obesidade é necessário combinar uma dieta equilibrada, actividade física e um consumo reduzido de calorias. Os adoçantes de baixas calorias podem ajudar a reduzir o consumo de energia sem que tenhamos que renunciar ao desejo natural de consumirmos algo doce.

Os adoçantes de baixas calorias permitem-nos desfrutar deste sabor doce sem acréscimo de calorias para a sua dieta. Estes adoçantes, bem como os ingredientes de alimentos e bebidas ou como os adoçantes de mesa, podem ajudar as pessoas que querem reduzir a ingestão de açúcar e calorias como parte de uma dieta saudável e equilibrada. Optando por alimentos e bebidas com adoçantes de baixas calorias consegue-se obter em média uma economia calórica.

A substituição de açúcar por adoçantes de baixas calorias oferece uma forma mais rápida, eficaz e económica para reduzir a ingestão de calorias. Esta medida, em conjunto com outros métodos de controlo de peso, tais como ingerir menores quantidades de comida (ter uma alimentação mais equilibrada) e aumentar a actividade física, podem fazer com que se obtenham bons resultados no combate ao problema da obesidade e do excesso de peso.

 

Saúde Oral

A higiene oral é importante para todas as pessoas, independentemente da sua idade. Os alimentos e as bebidas com adoçantes de baixas calorias também podem ajudar.
Todos os adoçantes de baixas calorias são seguros para os dentes, dado que estes não contêm hidratos de carbono simples, responsáveis pelo aparecimento da placa bacteriana. 

Os adoçantes de baixas calorias não provocam cáries, mesmo quando não possamos escovar os dentes após cada refeição. Isto porque, ao não fermentarem, as bactérias orais não os tornam ácidos prejudiciais. Em condições neutras, o esmalte dentário é extremamente durável. No entanto, todos os hidratos de carbono que se podem decompor, fermentam e convertem-se em ácidos devido às bactérias que se encontram na placa dentária e que se desenvolvem na boca de forma natural. 

As nossas bactérias orais tornam-se mais activas com o aumento do nosso contacto com os hidratos de carbono. A rapidez e a eficácia destrutiva dos ácidos produzidos pelas bactérias dependem também do estado dos dentes e dos cuidados que estes recebem, pelo que uma boa higiene oral é extremamente importante.

Ao não conterem hidratos de carbono, os adoçantes de baixas calorias não aumentam a produção de ácidos por parte das bactérias orais. Na verdade, estes adoçantes são também utilizados para melhorar o sabor de produtos de higiene dental e oral, pelo seu contributo na prevenção de cáries. Sabe-se com certeza que pastas de dentes e elixires que possuem um sabor agradável são utilizados com maior frequência e de forma mais consistente que os produtos com sabor "a medicina", especialmente por parte das crianças.

Os adoçantes de baixas calorias podem contribuir de forma significativa para a saúde oral.

 

Dentistas

A Duofarma, Lda. lançou no mercado nacional a linha comercial Oradent, com uma vasta gama de produtos, de atractivo design e alta qualidade, para o cuidado da higiene oral, com base em escovas de dentes, interdentais, fios e sedas dentais, dentífricos e elixires.

O dentista é um especialista em higiene oral. É aconselhável a ida ao dentista pelo menos uma vez por ano, para cuidar e vigiar os seus dentes e não só quando o estado dos mesmos torne o seu arranjo um processo irreparável.

É importante ter uma alimentação completa, equilibrada e com poucos doces, já que existe uma relação directa entre o consumo de açúcar e o aparecimento de cáries. Devem também ser evitados alimentos entre as refeições, se não se lavarem os dentes após o consumo dos mesmos.

Uma má higiene oral pode levar a graves problemas de saúde tais como dores musculares e distúrbios digestivos, entre outros.





COMPRAS ONLINE
cart

0 Item(s) | 0,00 €


ÁREA DE CLIENTES
cadeado
confirm
PESQUISAR
NEWSLETTER

Adicionar
Remover

confirm
COMUNICAÇÃO
CATÁLOGOS
EQUIPA
GALERIA